ERATÓSTENES: UM EXEMPLO DE TRABALHO COM ESTUDANTES UNIVERSITÁRIOS EM DIDÁTICA E HISTÓRIA DA ASTRONOMIA

Autores

  • Nicoletta Lanciano Università degli Studi di Roma La Sapienza, Itália.
  • Mariangela Berardo MCE Movimento di Cooperazione Educativa – Italia.

DOI:

https://doi.org/10.37156/RELEA/2016.22.007

Palavras-chave:

Método dos indícios, Didática das ciências no nível universitário e de formação inicial e contínua, Eratóstenes, História das ciências, Aproximações e erros.

Resumo

Por meio da análise de um exemplo prático, se apresenta a riqueza que emerge do método dos indícios para introduzir a prática da história da Astronomia. Este método foi testado com estudantes universitários e professores. No caso analisado, o tópico de pesquisa dos estudantes foi o trabalho de Eratóstenes para medir o meridiano terrestre. O curso se constroi e desenvolve através de uma “corrente de perguntas e respostas”. A partir da pergunta original, novas problemáticas tomam forma e os estudantes aprendem a procurar possíveis respostas e soluções.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Publicado

2016-12-20

Como Citar

Lanciano, N., & Berardo, M. (2016). ERATÓSTENES: UM EXEMPLO DE TRABALHO COM ESTUDANTES UNIVERSITÁRIOS EM DIDÁTICA E HISTÓRIA DA ASTRONOMIA. Revista Latino-Americana De Educação Em Astronomia, (22), 7–19. https://doi.org/10.37156/RELEA/2016.22.007

Edição

Seção

Artigos