RESSONÂNCIAS E MARÉS EM SISTEMAS DE SATÉLITES NATURAIS

Autores

  • Nelson Callegari Jr.

DOI:

https://doi.org/10.37156/RELEA/2006.03.039

Palavras-chave:

Mecânica Celeste, dinâmica, ressonâncias, satélites naturais, maré, planetas extra-solares.

Resumo

Neste trabalho descrevemos alguns aspectos da dinâmica de ressonâncias de movimentos médios. Será dada ênfase maior ao caso de ressonâncias entre satélites regulares dos planetas gigantes, embora alguns aspectos da física das ressonâncias em sistemas planetários extra-solares também sejam discutidos brevemente. A importância do estudo de ressonâncias em sistemas de satélites é discutida mais detalhadamente através de exemplos, mostrando como certas ressonâncias e suas relações com efeitos de dissipação de maré podem ser a chave de parte da explicação de alguns fenômenos ainda não explicados no Sistema Solar. Dentre vários exemplos destacamos o problema da remodelagem da superfície do satélite Enceladus, a existência de vulcões ativos em Io, e a possível existência do oceano subterrâneo em Europa. Este trabalho tem como objetivo a divulgação de alguns tópicos de Mecânica Celeste e Planetologia para um público de nível de graduação em disciplinas na área de exatas, em especial Astronomia e Física, e não a descrição detalhada dos conceitos aqui discutidos.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Nelson Callegari Jr.

UNESP/IGCE Rio Claro – SP,  e-mail -  calleg@rc.unesp.br

Downloads

Publicado

2006-12-01

Como Citar

Callegari Jr., N. (2006). RESSONÂNCIAS E MARÉS EM SISTEMAS DE SATÉLITES NATURAIS. Revista Latino-Americana De Educação Em Astronomia, (3), 39–57. https://doi.org/10.37156/RELEA/2006.03.039

Edição

Seção

Artigos