ATIVIDADES ASTRONÔMICAS PRÁTICAS DIURNAS

Autores

  • Eric Jackson Auckland Observatory Education Committee, Nova Zelândia.

DOI:

https://doi.org/10.37156/RELEA/2009.08.071

Palavras-chave:

Daytime astronomy, Hands-on, Sun-Earth-Moon System.

Resumo

Estas atividades astronômicas diurnas surgiram de uma investigação feita na Nova Zelândia por um grupo de professores e astrônomos a respeito dos problemas do ensino da Astronomia. Este trabalho mostrou que a Astronomia é geralmente considerada uma disciplina difícil de ensinar, tradicionalmente baseada em livros, filmes e modelos. Os mais afortunados podem ter feito alguma visita a um observatório ou planetário, e os mais avançados podem talvez ter tentado uma sessão de observação noturna, as quais sofrem às vezes de dificuldades relacionadas ao tempo. O problema de não dispor de suficientes atividades práticas, a sensação de possuir conhecimentos inadequados, a necessidade de dispor de equipamento astronômico e experiência tem sido, em geral, demasiado intimidante para que os professores introduzam a matéria nas suas aulas. Se a Astronomia ia ser introduzida, então era preciso encontrar uma forma de resolver essas dificuldades. Nosso grupo, trabalhando com professores e alunos numa abordagem construtivista, encontrou que os princípios da Astronomia podem ser descobertos durante o dia, enquanto os alunos estão na escola. Trabalhando de forma cooperativa os alunos mediram e registraram observações de suas próprias sombras causadas pelos movimentos da estrela mais próxima, o Sol, e nosso planeta Terra. Devido ao fato de os alunos se envolverem muito pessoalmente nas atividades, eles ficaram muito mais interessados nos resultados do estudo. A Astronomia passou a ser um desafio para o professor e seus alunos quando aplicaram suas experiências diurnas à observação noturna desde suas casas, relatada depois em sala de aula.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2009-12-01

Como Citar

Jackson, E. (2009). ATIVIDADES ASTRONÔMICAS PRÁTICAS DIURNAS. Revista Latino-Americana De Educação Em Astronomia, (8), 71–88. https://doi.org/10.37156/RELEA/2009.08.071

Edição

Seção

Artigos